16 de maio de 2023, 09:46

Concerto abre comemorações dos 96 anos do CBMSE


Publicado em 29/09/2016

Para abrir as comemorações do aniversário de 96 anos do Corpo de Bombeiros Militar de Sergipe (CBMSE), a noite da última quarta-feira (28) foi marcada por um concerto realizado pela Banda de Música da corporação, no Teatro Atheneu, em Aracaju/SE. O espetáculo contou também com a participação especial dos cantores Sena e Amorosa, que abrilhantaram ainda mais o show.

Durante a solenidade, foi feita uma homenagem ao saudoso capitão BM Samuel Marques dos Santos, que foi regente da Banda do CBMSE durante 13 anos e faleceu no ano passado. De acordo com a sargento BM Sheila Matos, integrante da banda, a homenagem foi bem merecida. “Ele era uma pessoa que trabalhou muito em prol da nossa banda e deixou um legado enorme para nós”, explica.

A sargento Sheila disse ainda que o concerto foi uma oportunidade de a banda mostrar o seu trabalho à toda sociedade sergipana. “A banda tem um grande papel social. Ela trabalha em diversas áreas, como festas religiosas e eventos da comunidade. Nesta noite, a população pôde conhecer um pouco mais do nosso trabalho. O concerto foi de grande valia e marca os 14 anos da nova formação da banda, juntamente com os 96 anos da instituição”, ressalta.

A orquestra encantou o público com canções ecléticas, que foram desde o estilo erudito até a música popular brasileira, além de canções tradicionalmente militares. Para o cantor Sena, que também é capitão da reserva do CBMSE, participar de eventos como este é uma satisfação enorme.

“Eu, que fiz parte desta instituição durante 30 anos e hoje comemoro também os meus 30 anos de carreira musical, me sinto muito honrado em ser convidado para participar desta noite que marca os 96 anos desta corporação que fez parte da minha vida. É um momento de rever os velhos amigos de longa data. Estou muito feliz em poder participar como artista sergipano e como bombeiro que fui uma vida inteira”, enfatiza.

Sobre a banda

A Banda de Música do CBMSE foi criada no dia 2 de agosto de 1963, época em que a corporação fazia parte da Prefeitura Municipal de Aracaju. Em 1984, o Corpo de Bombeiros e sua respectiva banda foram incorporados à Polícia Militar de Sergipe. Já em 1999, o Corpo de Bombeiros adquiriu autonomia administrativa, passando a ser subordinada diretamente à Secretaria de Segurança Pública.

No ano de 2002, a banda de música foi reestruturada, após a realização de um concurso público para preenchimento de 29 vagas para instrumentista e uma vaga para regente. Desde setembro de 2015, ela é regida pelo maestro capitão José Carlos Paixão Lima.