9 de maio de 2023, 10:45

Convênios com a Senasp modernizam unidade de mergulho do Corpo de Bombeiros


Publicado em 15/07/2009

O Corpo de Bombeiros de Sergipe prossegue com o processo de modernização do sistema de mergulho da corporação. Através de convênios com a Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp) os bombeiros receberam nesta semana mais um lote de equipamentos para o trabalho dos mergulhadores.

O Subgrupamento Marítimo do Corpo de Bombeiros (SGMAR) recebeu um compressor utilizado para mergulho de baixa pressão, um rádio comunicador subaquático com uma câmera acoplada. Este equipamento permite que haja durante ocorrências uma comunicação entre mergulhadores em operação e bombeiros em terra firme. A equipe de mergulho recebeu, também, 14 equipamentos de mergulho técnico, composto com dois cilindros e um colete tipo asa, que permite ao profissional um trabalho com maior mobilidade.

Fechando o pacote, o convênio com o Governo Federal possibilitou a aquisição de duas câmeras fotográficas subaquáticas, 14 bússolas, dois computadores de mergulho tipo relógio, que fornece ao mergulhador informações sobre as condições da operação como profundidade e tempo de mergulho. Além disso, foram adquiridas ferramentas que são utilizadas na manutenção de todo o sistema de mergulho.

Foto: Allan de carvalho – Ascom/SSP

“Elaboramos um projeto para colocar o mergulho do Corpo de Bombeiros de Sergipe num padrão nacional. Com esses equipamentos que estamos recebendo damos passos largos para alcançarmos um trabalho de excelência, possibilitando aos nossos profissionais realizar qualquer tipo de mergulho em Sergipe”, explicou o instrutor de mergulho, 1º tenente Gideão Oliveira.

Para o comandante do Corpo de Bombeiros, coronel Nailson Santos, os equipamentos são fundamentais par prestar um serviço de qualidade para a população que usufrui as praias sergipanas. “Estamos em um processo constante de investimentos em nossa Corporação, com verba já garantida para a aquisição de novos equipamentos e construção de novas unidades para aperfeiçoar o atendimento de nossos bombeiros em todo o Estado”, frisou o coronel Nailson.

O secretário João Eloy também destacou a necessidade de fortalecer a estrutura do Corpo de Bombeiros. Para Eloy, a Corporação historicamente sofreu com os poucos investimentos para os bombeiros militares, mas que com o processo de valorização salarial e profissional da tropa e com os investimentos na aquisição de equipamentos e construção de novos prédios os serviços do Corpo de Bombeiros será em pouco tempo adequado.

O comandante Nailson Santos ainda enfatizou que, até o próximo ano, serão criados nos municípios de Propriá, Nossa Senhora da Glória e Lagarto mais três unidades da corporação. Com os novos grupamentos e os já existentes no interior sergipano (Estância, Nossa Senhora do Socorro e Itabaiana), o Corpo de Bombeiros estenderá a sua cobertura a todas as regiões do Estado. Com relação a aquisição de equipamentos e viaturas, já foram investidos 2 milhões e até o final de 2010 mais 7 milhões serão empregados no Corpo de Bombeiros.

Equipe de mergulho

O Corpo de Bombeiros disponibiliza para a sociedade sergipana uma equipe de mergulho em sistema de plantão durante 24 horas. Os profissionais estão aptos a atender ocorrências relativas a resgate de cadáveres e objetos de médio porte. Já existe um planejamento pronto para execução de um curso de formação de novos mergulhadores, direcionado para a formação de novos profissionais da corporação. A previsão é de que as instruções ocorram durante 15 semanas.