10 de maio de 2023, 10:25

GTA realiza o I Curso de Tripulante Operacional


Publicado em 26/08/2011

A Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP), através do Grupamento Tático Aéreo (GTA), irá realizar o I Curso de Tripulante Operacional (CTOp), com a finalidade de capacitar policiais militares e civis e bombeiros militares a atuarem nas diversas ocorrências que envolvem o uso da aviação de segurança pública. Os interessados podem efetuar suas inscrições no período de 29 de agosto a 9 de setembro deste ano na sede do GTA, localizada no aeroclube de Sergipe na avenida Maranhão, em Aracaju.

O curso visa capacitar os operadores de segurança pública para a execução do policiamento, ações de prestação de socorro e defesa civil, concomitantemente com a segurança de voo, fazendo frente à criminalidade em defesa da vida e preservação da ordem pública, através de instruções práticas e teóricas. Implantar uma doutrina de operações aéreas, padronizando procedimentos operacionais da aviação de segurança pública com uso de técnicas modernas através de conhecimentos especializados é o principal objetivo do curso.

As instruções acontecerão no período de seis semanas e tem carga horária total de 264 horas/aula divididas em quatro módulos, seguido de um estágio final de quatro serviços em que o formado será acompanhado por um tripulante operacional antigo. Serão ministradas aulas de técnicas de sobrevivência, orientação e navegação, patrulha urbana e rural, atendimento pré-hospitalar, trabalho em altura, salvamento aquático, técnicas de abordagem, armamento e tiro, imobilizações táticas, propriedades da aeronave, segurança de vôo, fraseologia e orientação da arenave, meteorologia, embarque e desembarque operacional, balizamento e ZPH, rapel em aeronave, tiro embarcado e busca e salvamento aéreo.

A turma será composta por doze alunos. As vagas serão distribuídas da seguinte forma: cinco para policiais militares, cinco para bombeiros e duas vagas para policiais civis. O teste de aptidão física (TAF) de caráter eliminatório será avaliado segundo os seguintes critérios: corrida com calça e coturno em um percurso de oito quilômetros, com tempo máximo de sessenta minutos para o masculino e 1:10h para o feminino; flutuação vertical com calça ou macacão e tênis ou coturno, durante 45 min; prova de natação de 200m em qualquer estilo, com tempo máximo de 6 min; salto da plataforma de 7m, tendo o candidato cinco segundos após ser autorizado o salto e prova de natação fardado( calça e gandola de manga comprida ou macacão e com tênis) 200m ( duzentos metros) sem limite de tempo.

GTA

Em Sergipe, esse leque de missões é atribuído ao Grupamento Tático Aéreo (GTA), que deve manter um cronograma permanente de treinamento para especialização e atualização do seu quadro de pessoal. Como também, a formação de novos agentes de segurança pública para ampliação do efetivo para fazer frente ao aumento das demandas que ora se encontram em fase de expansão e, ainda, aquelas que se encontram latentes.