12 de maio de 2023, 09:39

Instruções marcam início de funcionamento do novo auditório do CBMSE


Publicada em 10/06/2015

 

O Corpo de Bombeiros Militar de Sergipe (CBMSE) realizou, nesta quarta-feira (10), no auditório do Quartel Central Geral (QCG), em Aracaju/SE, uma instrução sobre Técnicas e Táticas de Combate a Incêndio e uma palestra sobre o Desempenho dos Bombeiros no Exercício de Suas Funções. O público foi formado principalmente por alunos do Curso de Aperfeiçoamento de Sargento (CAS), que estão sendo capacitados pela Diretoria de Ensino e Instrução (DEI) para ascender à graduação de 1º sargento.

As instruções marcam o início do funcionamento do Auditório Professora Neuzice Barreto de Lima, inaugurado pelo CBMSE no mês passado, com 168 poltronas distribuídas em 400m². Ao abrir a solenidade, o comandante geral da corporação, coronel BM Regnaldo Dória, destacou a importância da construção do auditório e das demais ações de melhoria da infraestrutura e valorização profissional para o bom desempenho dos bombeiros.

“É bom saber que estamos crescendo no que diz respeito a equipamentos e estrutura física das unidades, garantindo melhores condições de trabalho. Em breve, inauguraremos uma área de vivência aqui no QCG, visando o bem-estar dos nossos profissionais”, ressalta o coronel Dória.

Durante as instruções, os bombeiros militares puderam aprimorar conhecimentos sobre os tipos de jatos e ataques direto e indireto usados em incêndio. Dentre as técnicas mais eficazes de combate às chamas na fumaça utilizadas pelo CBMSE está o jato atomizado, que é aplicado em pulsos, com aberturas de até 2 segundos de duração, em intervalos curtos. “Essa é uma variação do jato neblinado, que consegue diminuir a temperatura e extinguir as chamas na camada de fumaça sem formar vapor excessivo. Os jatos compacto e neblinado não são indicados para o combate às chamas na fumaça, pois atravessam facilmente a fumaça e param nos anteparos existentes, como teto e paredes”, explica um dos instrutores, 3º sargento BM Roberto Bastos.

 

 

Já o 1º tenente Alysson Carvalho, que ministrou palestra sobre o Desempenho dos Bombeiros no Exercício de Suas Funções, salientou a necessidade de os futuros 1º sargentos adquirirem habilidades de liderança para as atividades diárias do serviço operacional, de chefia de guarnição. “A ideia é reforçar a importância do trabalho em equipe, permitindo que a equipe aja com autonomia. O papel da liderança é imprescindível para estimular os colegas de trabalho a trabalharem com entusiasmo e obter resultados positivos na atividade de bombeiro. Palavras como comprometimento e empatia devem fazer parte do nosso cotidiano profissional”, diz o tenente.